Abandonando as fraldas!

A aquisição do controle esfincteriano é um dos marcos do desenvolvimento infantil. É um passo necessário para a socialização da criança e, por isso, é tema de preocupação para boa parcela de pais.

É frequente no consultório sermos questionados sobre o melhor momento de retirar a fralda e de como treinar o uso do penico.

Abandonando as fraldas!

Para começar, vale dizer que não existe uma idade certa para que a criança saia das fraldas ou deixe de urinar na cama. O importante é saber respeitar o tempo de cada uma e reconhecer os sinais de que ela esta pronta para iniciar o treinamento.

O primeiro sinal que você poderá observar é a busca por um lugar reservado quando seu filho sente vontade de evacuar. O treinamento é possível quando a criança reconhece as necessidades fisiológicas e é capaz de controlar, pelo menos temporariamente, a eliminação.

Depois de comprar um penico ou redutor de assento para vaso sanitário você deve estimular a criança para o uso. Para isso, reconheça a vontade da criança de ir ao banheiro e a coloque no penico. Muitas vezes as crianças irão sentar no penico por curiosidade, até mesmo vestidas, ou como forma de imitar os pais.

Abandonando as fraldas! 2

Em algumas situações, a criança em treinamento pode apresentar obstipação e retenção de fezes. Caso a criança deixe de querer usar o penico e expresse seu descontentamento interrompa o treinamento temporariamente e volte a falar do assunto após alguns dias.

Elogie os acertos e evite brigas ou punições no caso de perdas ou de não querer usar o penico. Somente de uma forma amigável, transmitindo segurança e tranquilidade para a criança é possível obter o sucesso.

dr andre dutra

Converse com a gente!

Deixe uma resposta