Estudo adverte contra paracetamol ou tilenol durante a gravidez

De acordo com um estudo publicado recentemente tomar paracetamol durante a gravidez pode aumentar o risco do bebê de TDAH (Transtorno de déficit de atenção e hiperatividade). Acreditava-se que o uso de acetaminofen, a substância ativa em medicamentos como o Tylenol e Excedrin, era seguro para o feto, e mais de 50% das mulheres nos EUA tomam paracetamol durante a gravidez.
Tylenol gravidez
Liderados por Zeyan Liew, os investigadores analisaram dados do Danish National Birth Cohort, com mais de 64.000 mulheres e seus filhos. Eles descobriram que as crianças cujas mães tomaram paracetamol durante a gravidez tiveram de 13 a 37 % maior risco de mais tarde, em torno de 7 anos de idade, serem diagnosticadas com um transtorno hipercinético (como ADHD), tomar a medicação do TDAH ou exibir comportamentos de TDAH. Liew e sua equipe também descobriram que a ligação foi mais forte para as mulheres que tomaram paracetamol durante mais de um trimestre – e para aquelas que a usaram com mais freqüência.
Os resultados, publicados no JAMA Pediatria, afirmam que eles são “preliminares” e “não estabelecem causa e efeito”. No entanto, eles têm intensificado as questões em torno dos riscos e benefícios de tomar a medicação durante a gravidez. Liew disse ao The Huffington Post : “É importante que o acompanhamento sobre potenciais riscos que o paracetamol pode causar . Tem sido notado que a incidência de TDAH tem aumentado nas últimas décadas , e estamos interessados na busca de fatores ambientais evitáveis que podem contribuir para a tendência”.
Tylenol gravidez 1
Acrescentando: ” Todos estes relatórios até agora sugerem que este analgésico e redutor de febre comum pode não ser tão inofensivo como os usuários pensam, especialmente quando tomado durante a gravidez , onde os fetos são mais vulneráveis e suscetíveis a exposições ambientais durante esse período crítico do desenvolvimento . Os pesquisadores da Universidade de Cardiff , que publicaram um editorial correndo em paralelo com esse estudo, observaram que o estudo tem lacunas em suas informações, especialmente quando se trata de qual a dosagem de acetominofen foi usada pelas participantes do estudo. Eles disseram: ” Os resultados dessa pesquisa devem ser interpretados com cautela , e não deve mudar a prática “, e eles enfatizaram que , por vezes, há circunstâncias atenuantes , onde as mulheres precisam tomar a medicação.

Bom, enquanto não sai um resultado definitivo, a minha opinião é a seguinte: as mulheres grávidas devem ser mais cautelosas. Se possível, não tomar remédio quando não é necessário, e tentar reduzir a dosagem , quando necessário. E é claro, sempre consulte seu médico antes de usar qualquer tipo de remédio!

Tags:, ,

sem comentários Comente!

Dicas para o frio para bebês e crianças

Vocês devem estar pensando: porque eu estou colocando um post sobre frio e inverno em pleno Janeiro, justo quando esta um super calor no Brasil?! Hehe. Bom não sei se você pensou isso ao ler o titulo, mas eu mesma pensei. Mas achei pertinente falar sobre isso, pois tem muitas pessoas estão indo viajar ao hemisfério norte, que por aqui esta bem Frio. E também depois sempre serve de arquivo para a busca no blog!

A tendência de ficar frio no hemisfério Norte é pelo menos até meados de março, quando termina o inverno. Enquanto você pode estar bem familiarizado com o clima, usando casacos e luvas para se proteger contra do frio e também gel desinfetante para as mãos para afastar os germes sazonais; o seu bebê tem um sistema imunológico novo e frágil.

inverno bebês

Tags:, , , , , , ,

sem comentários Comente!

A Funchicórea voltou!

A Funchicórea –remédio tradicional contra cólicas de bebês usado por mais de sete décadas no Brasil, mas fora do mercado há mais de um ano– esta voltando ao mercado. Recebia muitos pedidos de mães de onde podiam comprar. Mas finalmente a Anvisa voltou atrás com a decisão.

Mas você sabe o que é a Funchicórea?!

funchicoria

 

Eu usei bastante no meu primeiro filho. Achei que ajudava a ele ficar mais calmo também! Vale a pena testar, pois se trata de um produto natural.

Tags:,

32 comentários Comente!